Logotipo Tuti Imoveis
(16) 996013719 whatsApp Tim
(16) 39162861 fixo
(16) 997614134 vivo
(16) 39162861 fixo
vendas@tutiimoveis.com.br

Operação:

Categoria(s) Clique para Escolher:

Faixa de Valores R$:

Cidade:

Bairro(s) Clique para Escolher:

Quartos:

Garagem:


Comprador continuará dando as cartas no mercado imobiliário em 2016

 


Notícias


Comprador continuará dando as cartas no mercado imobiliário em 2016

 



Grande oferta de imóveis novos construídos nos últimos anos, dinheiro escasso e caro colocam a vantagem do lado de quem tem economias para comprar. Mas fechar negócio de um bem de valor alto e de financiamento de longo prazo exige muitos cuidados


Os juros estão altos e o dinheiro escasso, mas se você tem economias e necessidade de adquirir um imóvel, é possível fechar bom negócio. A posição vantajosa está do lado do comprador e deve continuar assim no próximo ano, aposta o economista Roberto Vertamatti, diretor da Anefac (Associação Nacional dos Executivos em Finanças, Administração e Contabilidade).


O setor deve continuar com vendas bem aquém  do ano de 2013, que foi forte, com muito crédito, analisa o economista. A dificuldade do governo de fazer o ajuste das contas públicas e as incertezas políticas continuarão afetando a venda de imóveis, cuja produção esteve acelerada nos últimos anos.


Com muita oferta de imóveis novos, mas também de usados, é o caso de o comprador optar de acordo com seu bolso, evitando endividamento maior e por prazo mais longo. Sempre levando em conta fatores que oneram o orçamento como necessidade de reparos, de gastos com transporte no novo endereço, condições de segurança, possibilidades de valorização, valor de IPTU e do condomínio.


Se o imóvel for novo ou ainda em construção, todo o comprometimento de renda no futuro precisa ser analisado, especialmente por conta do ambiente econômico imprevisível. Parcelas intermediárias, de entrega de chaves, despesas com cartório, com transferência.


Vertamatti é conservador quando se trata de assumir despesas com prestações. Recomenda que não representem no total, considerando a inclusão de outros financiamentos assumidos, mais do que 30% da renda familiar. Os bancos estipulam esse percentual para limitar a prestação do financiamento habitacional, mas ele sugere que esse seja o montante representado por todos os gastos envolvendo juros. A preocupação faz sentido. Com as taxas cobradas, a população tem dificuldades de se livrar das dívidas. Setenta por cento das pessoas endividadas estão  em atraso com seus compromissos há mais de um ano.


Controlar os gastos e definir o quanto será empregado na aquisição de um imóvel, levando sempre em conta a relação entre o que cabe no bolso e as necessidades da família, é o o mais importante na tomada de decisão, alerta o economista da Anefac.


Outra dica importante é pesquisar o histórico e a reputação da imobiliária, incorporadora,  construtora ou até pessoa física envolvida, no caso de negociação direta com o proprietário. A internet é um bom instrumento de pesquisa, mas é possível obter informações também em cartórios, Serasa.


Quem não tem dinheiro para dar de entrada, nem pressa, consórcio pode ser uma boa opção e pode sair de 5% a 10% mais barato do que um financiamento tradicional.



Dicas para compra de Imóveis


1- JUROS- Pesquisar taxas de mercado para decidir financiamentos


2- ORÇAMENTOS - Evitar dívidas acima de 30% da renda, incluindo prestação do imóvel.


3- TIPO DE IMÓVEL - Listar especificações do tipo de imóvel desejado e despesas fixas, como condomínio e IPTU. 


4- FORMA DE PAGAMENTO - Analisar todas as opções de financiamentos (FGTS, permuta)


5- LOCALIZAÇÃO - Observar se a região é barulhenta.


6- INFRAESTRUTURA E SERVIÇOS DISPONÍVEIS - Conferir se as características do imóvel atende ás necessidades.


7- COMPRA DE USADO - Considerar gastos com reparos.


8- COMISSÃO - Combinar quem pagará a corretagem.


9- PROPOSTA DE COMPRA - Ficar atento a detalhes da oferta e à negociações de itens. 


10- SEGURANÇA - Pesquisar a reputação da imobiliária, construtura ou incorporadora. 


11- INTERMEDIÁRIAS - Lembrar que, até a entrega de chaves, o saldo é corrigido pelo INCC e que as intermediárias são diferentes das parcelas.


12- PÓS-VENDA - Reservar dinheiro para o contrato, escritura, transferência e obras de acabamentos.


13- SEM ENTRADA - Contratar um consórcio pode ser uma opção.


14- PREÇOS - O comprador deve continuar no comando do mercado em 2016.

Fonte: Fato Online


Fonte | Data: 10/11/2015
Confira outras notícias

Sobre Nós

Tuti Imoveis

Tuti Junqueira - corretor de imóveis - CRECI: 115140-f/SP

Ondibecte Silveira, 398

Ribeirão Preto - SP

Entre em Contato

(16) 996013719 whatsApp Tim

(16) 39162861 fixo

(16) 997614134 vivo

(16) 39162861 fixo

Redes Sociais

facebook google plus

 

Imobiliária Plus Sites Imobiliários
As informações contidas neste site poderão ser modificadas sem aviso prévio. Em caso de dúvidas utilize nossas formas de atendimento para entrar em contato conosco.